Samba Hotéis apresenta Samba In The Box na ABAV

Contando com dez empreendimentos em seu portfólio em apenas quatro anos de operação, a Samba Hotéis participa pela primeira vez da ABAV Expo Internacional de Turismo, feira dedicada ao setor que este ano acontece entre os dias 26 e 28 de setembro no Anhembi Parque, localizado na capita paulista.

De acordo com o CMO da rede, Fred Carvalho, o intuito é estreitar o relacionamento com agentes de viagens e operadoras, além de reforçar o conceito das marcas Samba (upper midscale) e Bossa Nova (upscale), já consolidadas no mercado; e apresentar a Samba In The Box, bandeira supereconômica lançada em março, que possui um conceito inovador: hotéis construídos com contêineres.

Em um estande de 33 m2, os visitantes poderão conferir todos os detalhes de uma recepção e uma acomodação padrão feitas em módulos habitacionais produzidos em aço galvanizado especificamente para esse fim. Os ambientes serão decorados de acordo com a proposta da empresa, que é transmitir alegria, jovialidade e brasilidade aos seus hóspedes. Além disso, o espaço pretende proporcionar a experiência diferenciada de se hospedar em um contêiner.

Projetado para ser confortável, econômico e prático, os hotéis Samba In The Box, de construção rápida e custo de aproximadamente 65% menos que um hotel convencional, são a grande aposta da rede Samba Hotéis para o ano de 2019. “O valor aproximado para construir um Samba In The Box é de R$ 2 milhões e o prazo pode variar entre seis e oito meses, enquanto que para uma propriedade convencional a média é de 1,5 a três anos. Assim, o investidor já sai na frente com a possibilidade de começar o retorno financeiro ainda mais cedo”, afirma.

A Samba Hotéis possui nove unidades no Brasil – Sacramento, Lagoa da Prata, Lagoa Santa, Belo Horizonte, Betim e Itabirito, em Minas Gerais; Angra dos Reis e Itaboraí, no Rio de Janeiro; Foz do Iguaçu, no Paraná; e Beirute, no Líbano, propriedade que será inaugurada no final de setembro. Com uma gestão leve e moderna, que foca no bem-receber sem deixar de lado a lucratividade dos investidores, a rede cresce a cada dia, e a previsão é de que outros cinco hotéis sejam incorporados à marca até o final de 2018.

Compartilhe