Mercado nacional reage bem na aviação em maio

Mercado nacional reage bem na aviação em maio. A demanda (em passageiros-quilômetros pagos transportados, RPK) registrou aumento de 2,2% em maio de 2017, quando comparada com o mesmo mês de 2016. Foi a terceira alta do indicador após 19 meses consecutivos em queda. A oferta (em assentos-quilômetros ofertados, ASK) registrou crescimento de 2,9% na mesma comparação, também a terceira alta mensal consecutiva.

Em maio de 2017, foram transportados 7,1 milhões de passageiros pagos em voos domésticos, representando um aumento de 2,2% em igual mês do ano anterior.

Gol e Latam permaneceram na liderança no mercado doméstico, com participações de mercado da ordem de 35,1% e 32,4%, respectivamente. A Azul teve mais um mês de crescimento em sua participação, alcançando recorde de 18,9% no mês, enquanto a Avianca registrou 13,1%. Assim, a participação das concorrentes das duas líderes avançou 12,3% na comparação com igual mês do ano anterior, tendo alcançado 32,5% em maio de 2017.

Em maio de 2017, a taxa de aproveitamento dos assentos das aeronaves foi de 77,8%, o que representou queda de 0,7% frente ao mesmo mês do ano, encerrando uma série de seis variações positivas consecutivas do indicador.

No mês foram transportadas 37.300 toneladas de carga paga e correio, o que representou um aumento de 10,0% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Compartilhe

Deixe uma resposta